Pages

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

DIY - Saia Godê com bainha de vela



Essa saia fica bem bonita, é fácil de fazer e como precisa de pouca costura dá pra fazer mesmo sem máquina. É possível também pegar a base da saia godê, que são os moldes maiores, e fazer variações da saia, ou com outra godê por cima, fazendo camadas, com uma saia de cachinhos por cima, ou como sua criatividade mandar. Aqui vou ensinar uma godê com uma camada um pouco mais curta por cima, formando pontas, como saia a das fotos.

Você vai precisar de:
  • 5 metros de crepe chiffon ou musseline. Acredito que também seja possível com outros tipos de crepe ou cetim, mas nunca experimentei fazer.
  • Tesoura
  • Fita métrica
  • Vela
  • Elástico
  • Linha para costura na cor do tecido
  • Alfinete
  • Clips


Como fazer:

Meça o comprimento que sua saia deverá ter. Ela vai mais ou menos da altura da sua asa ilíaca (aquele osso do quadril) até abaixo do maléolo (aquele ossinho do calcanhar). Se você se sentir confortável para dançar com uma saia com medida até o chão, ótimo! Lembre-se que é importante a saia cobrir o calcanhar quando você estiver na meia ponta.
Corte então o tecido de acordo com os moldes, mas preste atenção a um detalhe: X deve ser maior que a altura da sua saia cerca de 20cm, ou mais. Depois perderemos altura ao fazermos o cós e acertando a parte de baixo da saia.


Para fazer a bainha, acenda a vela e passe toda a volta dos moldes pequenos pela parte azul da chama, bem rapidamente. Dos moldes grandes você vai passar somente a parte do cós e das aberturas laterais pela chama. A parte de baixo ainda precisará ser acertada.
Agora você vai montar a sua saia de acordo com a próxima figura. A parte em vermelho são os moldes menores, que serão fixados à parte maior pelo cós (em azul). Primeiro fixe as partes com alfinetes. 

Depois dobre a parte do cós duas vezes e faça a costura deixando um espaço para passar o elástico. Faça isso com as duas partes da saia.

Para passar o elástico por dentro do cós utilize um clips. Ele vai facilitar o processo. Aqui você já vai unir a parte da frente da saia com a maior.




Costure as duas pontas do elástico, uma na outra e dê alguns pontinhos também no crepe, para que o elástico não fique aparecendo.

Coloque-a então em um cabide, desses com um pregador próprio para saias, pendure-a e observe que a parte de baixo não fica muito certinha. Então, com ela no cabide, vamos acertar o corte. Por isso a altura precisa estar maior que a altura final.


Por último passe toda a parte de baixo da saia pela parte azul da chama da vela, terminando de fazer a bainha. E sua saia estará pronta! Ela  ficará assim:








2 comentários:

  1. o melhor molde que encontrei em duas horas de pesquisa parabéns vou tentar fazer

    ResponderExcluir

É preciso transformar a música em dança, num movimento de fora para dentro, mas principalmente, num movimento inverso, externalizar os sentimentos, transparecer a alma, transformar o corpo em música, em dança, em arte. A unidade se faz em todos os sentidos. O seu estilo de dança não será criado. Ele já existe. Basta você abrir espaço para que ele possa surgir. Dance com alma!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...